Se vai trafegar pela Dutra no feriado do Dia de Nossa Senhora Aparecida, isto interessa a você

Com informação da concessionária, saiba quais dias e horários de maior movimento, tudo sobre a Operação Padroeira 2019 na Via Dutra
A CCR NovaDutra realiza, a partir desta sexta-feira (11), uma operação especial de orientação e atendimento aos usuários que trafegarem pela rodovia Presidente Dutra durante o feriado do Dia de Nossa Senhora Aparecida.
Segundo Virgílio Leocádio, gestor de Atendimento da CCR NovaDutra, a operação de atendimento aos motoristas durante o feriado soma a outra operação que começou em setembro, para orientar peregrinos e romeiros sobre os riscos de caminhar a pé pelo acostamento em direção à Basílica de Aparecida. A CCR NovaDutra não recomenda este tipo de manifestação de fé, em função do risco que representa para os peregrinos que utilizam o acostamento para caminhar. A campanha orienta sobre a utilização de rotas oficiais, entre elas, a Rota da Luz, um caminho mais seguro para esta manifestação de fé.
“Nesta época do ano a região do Vale do Paraíba, especialmente Aparecida recebe um grande número de visitantes. Nossa operação foi dividida em dois momentos: para os motoristas que estão em viagem para a cidade de Aparecida, monitorando as entradas e saídas da cidade e para os outros usuários em viagem pela rodovia. Vale ressaltar que a peregrinação pelo acostamento aumenta nossa preocupação neste feriado. O romeiro acha que está seguro caminhando pelo acostamento. Mas o risco de uma tragédia é muito grande. A Dutra tem mais de mil acessos, entradas e saídas de cidades e postos de serviços. A travessia desses locais é sempre muito perigosa”, explica Virgílio.
Expectativa de Tráfego
A expectativa da Concessionária é que o tráfego fique intenso nos 402 km da rodovia entre 17h e 21h de sexta-feira (11) e entre 8h e 14h de sábado (12). No retorno, o tráfego deve ser maior no domingo (13), das 16h às 21h.
Trecho paulista
Devem deixar São Paulo pela via Dutra cerca de 290 mil veículos, entre a zero hora de sexta (11) e a meia-noite de sábado (12).
Saída de São Paulo (horários de pico):
Sexta-feira (11/10) – das 17h às 21h – previsão mais de 9 mil veículos por hora.
Sábado (12/10) – das 8h às 14h – previsão mais de 7 mil veículos por hora.
Volta para São Paulo (horários de pico):
Domingo (13/10) – das 16h às 21h – previsão de 8 mil veículos por hora.
Trecho fluminense
Devem deixar o Rio de Janeiro pela via Dutra cerca de 212 mil veículos, entre a zero hora de sexta (11) e a meia-noite de sábado (12).
Saída do Rio de Janeiro (horários de pico):
Sexta-feira (11/10) – das 17h às 21h – previsão mais de 7 mil veículos por hora.
Sábado (12/10) – das 8h às 14h – previsão mais de 5 mil veículos por hora.
Volta para o Rio de Janeiro (horários de pico):
Domingo (13/10) – das 16h às 21h – previsão de 6 mil veículos por hora.
Programe seu retorno
A CCR NovaDutra alerta os motoristas que, para maior conforto, evitem trafegar no domingo (13/10), das 16h às 21h, horário de aumento do volume de veículos na rodovia.
Operação especial de atendimento do SOS Usuário
Para auxiliar os usuários durante a viagem, a via Dutra será inspecionada por mais de cem viaturas e 500 profissionais. Entre eles, médicos, agentes de atendimento pré-hospitalar e equipes de emergência, que estarão 24 horas à disposição dos usuários, em regime de revezamento, distribuídos em 11 bases operacionais ao longo da via Dutra.
Papa-filas nos pedágios, entrevistas ao vivo e informação sobre as condições de tráfego para os usuários na programação da CCRFM 107,5 fazem parte das ações da Concessionária. “Utilizaremos todo o nosso contingente de viaturas e colaboradores, de forma a contribuir com a segurança e a fluidez de tráfego da Dutra”, complementa Virgílio Leocádio.
De Taubaté a Aparecida, no sentido Rio de Janeiro da rodovia; e entre Lavrinhas e Aparecida, no sentido São Paulo, o contingente operacional será intensificado em função do aumento de romarias em direção à Basílica de Aparecida, principalmente próximo aos acessos ao município de Aparecida
Também durante esse período, os motoristas que trafegarem pelo Vale do Paraíba devem redobrar a atenção. Isso porque em alguns trechos da rodovia haverá interdição de terceira faixa devido a presença de peregrinos caminhando a pé pela rodovia.
PRINCIPAIS ACESSOS DA RODOVIA
Acessos a Aparecida
O acesso a Aparecida (SP), no Vale do Paraíba, é realizado pelo km 75 da pista sentido São Paulo. Já na pista sentido Rio de Janeiro, o acesso ocorre pelo km 71 (Santuário Nacional) e km 74.
Acessos ao Litoral Norte Paulista
Via Tamoios – O acesso à Rodovia dos Tamoios é realizado pelo km 152 da pista sentido Rio de Janeiro, em São José dos Campos.
Via Oswaldo Cruz – Com o objetivo de orientar os motoristas sobre um acesso alternativo à Rodovia Oswaldo Cruz, que liga a Dutra a Ubatuba (SP), a CCR NovaDutra informará os motoristas sobre a possibilidade de utilizar a saída do km 112,5 da via Dutra. O acesso, na pista sentido Rio de Janeiro, também faz ligação à Rodovia Oswaldo Cruz, além da saída do km 111. Faixas foram afixadas na via Dutra. A ação conta com o apoio da prefeitura de Taubaté.
Acesso à Campos do Jordão (SP)
No trecho paulista da rodovia, a Concessionária instalou faixas alertando os motoristas sobre a saída do km 117 da pista sentido São Paulo, acesso à Rodovia Floriano Rodrigues Pinheiro, que leva à cidade de Campos do Jordão (SP).
Acesso ao Distrito de Penedo e Visconde de Mauá (RJ)
Via RJ-163 – O acesso à Rodovia Doutor Rubens Tramujas Mader é realizado pela saída 311, em Itatiaia.
Disque CCR NovaDutra, CCRFM 107,5 e Site
Os usuários da via Dutra contam com o Disque CCR NovaDutra 0800-0173536, telefone que oferece gratuitamente informações sobre as condições da estrada 24 horas por dia, e que também pode ser utilizado para solicitação de socorro médico ou mecânico. Há, ainda, 804 telefones de emergência ao longo de toda a rodovia a cada quilômetro, nos dois sentidos. Informações sobre condições da estrada podem também ser obtidas por meio da CCRFM 107,5, a cada três minutos, e do site da Concessionária na internet (www.grupoccr.com.br/novadutra).
Controle de velocidade
Com o objetivo de complementar a fiscalização de velocidade realizada pela Polícia Rodoviária Federal com radares móveis, estão implantados 58 pontos de controle com radares fixos na rodovia, que apoiam a ação policial (veja relação dos locais no site www.grupoccr.com.br/novadutra).
Localização das bases do SOS Usuário da CCR NovaDutra
Trecho paulista:
Vila Maria, km 230, sentido SP;
Arujá, km 202, sentido RJ;
São José dos Campos, km 156, sentido SP;
Pindamonhangaba, km 99, sentido SP;
Lorena, km 51, sentido RJ;
Lavrinhas, km 18, sentido RJ.
Trecho fluminense:
Penedo, km 311, sentido SP;
Volta Redonda, km 258, sentido SP;
Caiçara, km 227, sentido RJ;
Japeri, km 206, sentido SP;
Pavuna, km 166, sentido SP.
Localização das praças de pedágio e preços de tarifa
A CCR NovaDutra solicita aos motoristas que utilizem suas moedas no pagamento das tarifas de pedágio, a fim de facilitar o troco e colaborar com a fluidez do tráfego.
Trecho paulista
Km 204 – Arujá – bidirecional – R$ 3,70
Km 182 – Guararema Norte – unidirecional SP/RJ – R$ 3,70
Km 180 – Guararema Sul – unidirecional RJ/SP – R$ 3,70
Km 165 – Jacareí – bidirecional – R$ 6,70
Km 87 – Moreira César (Pindamonhangaba) – bidirecional – R$ 15,20
Trecho fluminense
Km 318 – Itatiaia – bidirecional – R$ 15,20
Km 207 – Viúva Graça (Seropédica) – bidirecional – R$ 15,20
Dicas de segurança e orientação para romeiros:
1) Utilize a Rota da Luz SP, um caminho mais seguro para os romeiros;
2) Caminhe no sentido contrário ao tráfego, em fila indiana, o mais distante possível da pista e do acostamento;
3) Só caminhe durante o dia. Evite caminhar à noite ou na madrugada;
4) Use roupas claras e coloridas. Se possível, use faixas refletivas. Aumente ao máximo a sua visibilidade para os motoristas;
5) Descanse fora da rodovia. Se houver veículo de apoio, estacioná-lo em local seguro, em postos de serviços, nunca no acostamento;
6) Mantenha sua atenção. Rodovia é espaço para veículos, não para pedestres;
7) Se chover, interrompa sua caminhada. Os riscos são maiores com pista molhada.
Fonte: Comunicação Social