Policiamento Ambiental Marítimo apreende mais de duas toneladas de camarão por pesca irregular no Litoral de São Paulo

Flagrante ocorreu quinta-feira (07), durante patrulhamento embarcado no interior da APAMLC – Área de Proteção Ambiental Marinha Litoral Centro, município de Mongaguá

Policiais Militares da CIAMAR, a Quinta Companhia de Polícia Militar Ambiental Marítima do 3°BPAmb, durante patrulhamento marítimo pelo município de Mongaguá, surpreenderam uma embarcação pesqueira, no interior da APAMLC – Área de Proteção Ambiental Marinha Litoral Centro, setor Carijó, realizando a prática de arrasto de camarão.

Durante a fiscalização foi constatado que dois dos três tripulantes a bordo da embarcação de Santa Catarina estavam irregulares. Um deles estava com a Carteira de Pescador Profissional fora da validade e o outro não possuía tal documento, contrariando a legislação vigente.

O flagrante resultou na apreensão da embarcação, quatro portas (petrecho utilizado na pesca), duas redes de arrasto, e todo o pescado a bordo, sendo duas toneladas e duzentos quilos de camarão sete-barbas, os quais foram imediatamente doados a dez instituições beneficentes da baixada santista.

A ocorrência durou mais de oito horas, num processo complexo entre escolta e descarga do pescado e resultou também em dois Autos de Infração Ambiental por “Pescar sem a respectiva autorização do órgão ambiental competente”, com base no art. 38 da resolução SMA 48/14, totalizando R$ 178.800,00 em multas.

Denúncias podem ser feitas pelo telefone (13) 3348-4774

Comunicação Social – CiaMar

Polícia Militar, a Força Pública do Estado de São Paulo