Polícia Militar liberta vítima de sequestro e impede que seja executada pelo tribunal do crime, em Caraguatatuba

Por volta das 09h de terça-feira (12), uma equipe do 20º Batalhão de Polícia Militar do Interior recebeu informações via COPOM sobre um “Tribunal do crime” que estaria acontecendo no bairro Perequê Mirim em Caraguatatuba. A vítima, um homem que estava sequestrado, conseguiu fazer contato com a mãe dele e enviar sua localização.
Os policiais militares foram até o local onde fizeram contato com um indivíduo que se comportou de maneira suspeita, motivando a entrada da equipe à residência. Dentro da casa os policiais encontraram a vítima sentada em uma cama cercada por 03 indivíduos. A vítima relatou que havia sido sequestrada no dia anterior e trazida para o cativeiro onde foi torturada e ameaçada de morte, informou ainda que a todo momento os criminosos diziam que iriam a matar e que só estavam esperando a chegada de mais membros da facção para executar o crime.
Após o entendimento dos fatos, os sequestradores foram presos e conduzidos para o registro da ocorrência na delegacia sede onde permaneceram presos em flagrante à disposição da justiça