Polícia Civil apreende adolescente que pode estar envolvido na morte de Fabricio Tcheller

Na tarde de ontem, a Polícia Civil de Ubatuba, apreendeu um adolescente, em cumprimento a mandado de busca e apreensão, como parte das investigações que se desenrolam para esclarecer a morte do repórter Fabricio Tcheller, encontrado carbonizado em sua casa no bairro do Lázaro, quarta-feira, 22.

Por enquanto não se sabe de maiores detalhes sobre o possível envolvimento do adolescente que tem 17 anos e foi apreendido no Centro de Ubatuba.

Algumas perguntas ainda estão sem respostas, como porque a identidade da vítima estava nas proximidades do corpo e seu aparelho celular não foi levado.

Se foi ateado fogo no corpo com a vitima ainda viva ou após a sua morte. Porque carbonizar o corpo se a intenção não era ocultar a identidade da vítima.

A possibilidade de latrocínio também parece descartada, já que o aparelho celular foi abandonado no local.

São algumas das perguntas que ainda fazem parte deste quase mistério que envolve a morte do repórter da página Tcheller Notícias.