Novo Hospital Regional inicia contratação de 1.000 vagas em São José dos Campos

A SPDM (Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina) já começou a receber currículos para novas contrações do Hospital Regional em São José dos Campos.

As vagas são para gerente de almoxarifado, auxiliar de almoxarifado, gerente de farmácia, auxiliar de farmácia, auxiliar administrativo, assistente administrativo, coordenador de enfermagem CME, enfermeiro CME, técnico de enfermagem CME, técnico de transporte, farmacêutico, gerente administrativo, jovem aprendiz, gerente de hotelaria hospitalar, supervisor de hotelaria hospitalar, engenheiro ambiental, gerente de portaria, gerente de qualidade, analista de qualidade, coordenador de atendimento de serviço ao usuário, assistente de atendimento de serviço ao usuário, supervisor de telefonia, telefonista, plantonista administrativo, gerente de unidade de alimentação e nutrição, auditor interno sênior, contador, assistente contábil, analista de contas a pagar pleno, analista de custos, coordenador de compras, gerente de RH, analista de pessoal sênior, analista de pessoal pleno, analista de pessoal júnior, analista de RH sênior, analista de RH pleno, engenheiro do trabalho, técnico de segurança do trabalho, enfermeiro do trabalho e médico do trabalho.

Os candidatos deverão enviar o currículo para o e-mail curriculo@spdm.org.br, no campo assunto colocar o cargo a que está se candidatando.

A SPDM fará a contratação dos profissionais da “bata cinza”, que é de responsabilidade da Construcap.

Outro processo seletivo

Além da SPDM, o Instituto Sócrates Guanaes, atual gestor dos serviços assistenciais do Hospital Regional de São José dos Campos, está abrindo processo seletivo emergencial para contratação imediata de profissionais para a unidade.  Os interessados devem comparecer ao local da inscrição munidos dos documentos, original e cópia, bem como com a ficha de inscrição preenchida. Os salários variam de R$ 1.250 a R$ 7.500.

Os cargos disponíveis são: assistente social, auxiliar administrativo, enfermeiro, engenheiro de segurança do trabalho, farmacêutico clínico, faturista, fonoaudiólogo, técnico de enfermagem com formação em instrumentador cirúrgico, maqueiro, médico do trabalho, odontólogo, psicólogo, técnico de aparelho gessado, técnico de enfermagem generalista, técnico de saúde bucal, técnico de segurança do trabalho, terapeuta ocupacional.

A inscrição ficará aberta apenas entre os dias 5 e 8 de fevereiro, das 9h às 16h, no endereço: UNESP – Campus São José dos Campos (Auditório) – Av. Engenheiro Francisco José Longo, 777 – Jardim São Dimas – São José dos Campos – SP CEP:12.245-001. Mais informações do processo seletivo no endereço www.isgsaude.org/novo/abre-noticia.php?id=849

O processo seletivo contará com prova de conhecimento técnico para cada área de atuação, além de conhecimentos em informática e entrevista coletiva. Todas as etapas são classificatórias e eliminatórias. Não serão cobradas taxas dos candidatos.

Informações sobre as demais fases do processo serão dadas no momento da inscrição e os resultados serão divulgados pelo site: www.isgsaude.org

Hospital

O Hospital Estadual de São José dos Campos está localizado entre a Rua Icatu e a Avenida Goiânia, no bairro do Parque Industrial, zona sul da cidade, e será voltado ao atendimento de média e alta complexidades, principalmente nas especialidades de traumatologia, ortopedia, neurocirurgia e especialidades relacionadas.

A nova unidade terá 178 leitos, sendo 44 de UTI, e nove salas cirúrgicas, além de serviço de apoio diagnóstico por imagem, endoscopia e terapia. O hospital também receberá a certificação de Qualidade Nacional e Internacional. A previsão de conclusão da obra é para março deste ano.

O Hospital Estadual de São José dos Campos é uma parceria público-privada (PPP) entre a Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo e a empresa Construcap.

O investimento total para a implantação do novo serviço, incluindo obra civil, equipamentos médicos e mobiliários, tecnologia de informação, instrumentação cirúrgica e transporte, será de R$ 217,1 milhões. Deste valor, 60% serão financiados pelo empréstimo do BNDES e 40% pelo parceiro privado. O contrato entre a Construcap e o Estado terá duração de 20 anos, com previsão de aportes e incorporação de novas tecnologias durante esse período.

 

Fonte: Prefeitura de São José dos Campos