Defesa Civil de Ubatuba realiza operações na madrugada. A situação das rodovias que dão acesso ao município

Foto: Ubatuba na manhã de quinta-feira/Ubatuba Acontece
A Defesa Civil de Ubatuba está acompanhando os índices pluviométricos pelos bairros da cidade devido às chuvas constantes e intensas dos últimos dias. Os números estão acima da média em alguns pontos. Na região da Maranduba, os acumulados chegam a 138 mm; na região do Ipiranguinha foram registrados 114mm e na Marafunda, 101mm.
A Defesa Civil continua monitorando, principalmente, às áreas de risco de inundação e deslizamento de encostas.
O índice é calculado pela quantidade acumulada em 72 horas, indicadas por 22 pluviômetros automáticos, cedidos pelo Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), além dos nove semi-automáticos espalhados pela cidade.
De acordo com o diretor da Defesa Civil, Guaraçay dos Santos, o setor atendeu ocorrências como retirada de árvores que caíram ao longo do trecho da BR 101, nas alturas dos quilômetros 04, 19 e 30. Houve, ainda, registro de deslizamento de terra na região sul no condomínio praia do Pulso, local onde funcionários e máquinas trabalharam durante a madrugada.
Sobre a vazão do Rio Grande, até o momento presente o nível se encontra em 40cm e a maré continua baixa, (coeficiente de maré em 0.0), chegando em seu estofo (ponto alto) às 15 horas e 1.2.
Solicita-se que os moradores se atentem para as áreas que já são consideradas de alagamento, como Perequê Açu, Taquaral, Toninhas e Estufa II, Itaguá e Maranduba.
Não há registro de nenhuma vítima e ninguém está desabrigado.
Educação
A secretaria de Educação deverá suspender as aulas em algumas unidades nesta quinta-feira, 08, no período da tarde por conta de inundações e falta de água.
Estão sendo tomadas devidas providências de acordo com as situações pontuais. Regiões Norte e Sul são as mais prejudicadas e sofrem inundações.
No centro e na região Oeste, as questões são referentes a falta de água, porém, a secretaria está tentando minimizar o problema.
Atenção às rodovias
A Polícia Rodoviária confirmou a interdição da rodovia que liga Caraguatatuba à Ubatuba.
De acordo com o Departamento de Estradas e Rodagem – DER, na rodovia Oswaldo Cruz- SP 125 há interdição total do km 71 ao km 86. O tempo instável e a visibilidade reduzida.
Na manhã desta quinta-feira, 08, a Defesa Civil de Ubatuba e a secretaria der Obras Públicas estão colaborando com o DER para desobstruir a via.
Já segundo à concessionária que administra a Rodovia dos Tamoios, o trecho de serra permanece interditado na manhã desta quinta-feira, 08. A concessionária realizou o fechamento total do trecho às 23h18 da noite de quarta-feira, 07. A intervenção foi necessária para garantir a segurança dos usuários frente ao risco iminente de quedas de barreiras no trecho, devido às chuvas intensas.
Das 20h às 22h50 de quarta-feira houve um bloqueio na altura do km 70, em ambos os sentidos, devido registro de queda de uma árvore e de dois postes de energia no local. Durante a madrugada, com o trecho já totalmente interditado, houve registros de queda de barreiras entre o km 67 e o km 69.
Para que os usuários não cheguem ao trecho crítico, as interdições ocorrem nos seguintes pontos:
Pista sentido Litoral
Km 58 (retorno). Acesso à rodovia SP-088 – Salesópolis
Km 67 (retorno e acesso ao bairro Pouso Alto)
Pista sentido São José dos Campos
Km 81 (em frente à base da Polícia Militar Rodoviária)