Aposentados e pensionistas do INSS terão reajuste

O que acontece todos os anos vai se repetir agora no início de 2022, quando o Governo Federal anuncia o resultado dos cálculos  que determinarão o percentual do reajuste das aposentadorias e pensões. A base para cálculo é determinada por lei. As  finanças pessoas estão super apertadas e todo dinheiro a mais é bem vindo. 
  • Valores devem ser reajustados de acordo com o INPC acumulado no ano de 2021;
  • INPC determina o aumento do salário mínimo, usado como base para os benefícios do INSS
  • No ano, salário mínimo atual já perdeu R$ 60 em poder de compra.

A partir do mês que vem, janeiro de 2022, os aposentados e pensionistas do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) receberão seus benefícios reajustados de acordo com o INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor), que também é usado para definir o aumento do salário mínimo.

No Brasil, o salário mínimo serve como base para definir os valores das aposentadorias e pensões. Quando ele aumenta, os benefícios também aumentam.

Aqueles que recebem até um salário mínimo (R$ 1.100), terão seu benefício pago entre os dias 25 de janeiro a 7 de fevereiro. Os que recebem um valor maior terão seu dinheiro depositado entre o dia 1º e 7 de fevereiro.

Atualmente o INPC acumulado está marcando uma alta de 9,36% entre os meses de janeiro e novembro de 2021. No entanto, o índice final será oficializado somente em 11 de janeiro, data em que o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) divulgará o INPC acumulado até dezembro.