Abertura do Natal Iluminado do Santuário de Aparecida encanta devotos com novidade


Alegria, esperança e, é claro, muita luz! Elementos que marcaram a noite de sábado (30), no Santuário Nacional. Os primeiros passos para o Tempo do Advento foram dados com a inauguração do Natal Iluminado 2019, momento que deixou a Casa da Mãe repleta de devotos e com aquele clima de Natal em família.

A abertura deste ano contou com uma novidade recebida sob muitos aplausos e encantamento por quem estava presente: a fachada norte da Basílica ganhou cores, formas e um enredo, por meio de uma projeção mapeada, num espetáculo de luzes e efeitos e especiais.

Durante todo o mês de dezembro, os peregrinos que visitarem o Santuário de Aparecida poderão contemplar a produção em sessões com dias e horários marcados.

Presépio: sinal da presença e do amor de Deus

A cerimônia começou com a bênção do tradicional presépio da Basílica, conduzida pelo missionário redentorista, padre Henrique César Correia Maciel. Durante a oração, o sacerdote destacou que as imagens são recordações de como Jesus se revelou à humanidade, e pediu a Deus que sejam sinais da Sua presença e do Seu amor a todos que visitarem a Casa de Nossa Senhora Aparecida.

Em seguida, houve a oração do Angelus, a projeção, e o Jardim Norte encheu os olhares com suas luzes natalinas. A fachada também entrou no clima ao receber uma árvore de natal de cordões de led, com 50 metros de altura. As comemorações terminaram com uma queima de fogos e uma saudação do Administrador Ecônomo do Santuário Nacional, padre Luiz Cláudio Alves de Macedo: “Feliz Advento!”.

Novidade na programação

A projeção mapeada na fachada norte é uma apresentação de sete minutos de duração, contada em três atos: primeiro destacando o anúncio do Reino do Céu, com a representação do Espírito Santo em forma de pomba, segundo a anunciação do anjo a Maria até a fuga para o Egito e no terceiro ato, o nascimento de Jesus.

O encerramento da projeção conta com os votos do Santuário de Aparecida para um Santo Natal.

Com informações do Santuário Nacional